quinta-feira, 12 de novembro de 2015

À VOLTA DA MESA GRANDE COM OS NOMES





Já temos os cartões com os nossos nomes!

Para que servem os cartões do nome?

"Para os que ainda não sabem escrever o nome

poderem copiar e aprender." (Rodrigo)

É verdade! Mas os cartões do nome servem

para tantas brincadeiras/aprendizagens.

Depois de observarmos e cada um contar

quantas letras tem o seu nome

fizemos grupos por quantidade de letras.

A Xinha dizia: Seis letras!

e logo aparecia o grupinho das crianças 

com seis letras no nome.

Cinco Letras...

Quatro letras...

Três letras...

Sete letras...

Oito letras...

Gostámos muito do jogo principamente porque 

a Xinha depois chamava muito depressa.

Depois da brincadeira fomos para a mesa grande

e colocámos os cartões por tamanho.



 Porque é que os cartões têm tamanhos diferentes?

Depois de pensarem um bocadinho responderam:

"Porque uns têm poucas letras e outros têm muitas!"





Separámos os nomes e juntámos os que tinham 

iniciais iguais.








 Fizemos o registo escrito 

e contámos quantos nomes com a mesma inicial









 e ilustrámos!








Depois a Xinha publica as fotos do resultado do registo

escrito e ilustrado, 

mas isso é apenas um bocadinho...

...o resultado de todo este trabalho fica dentro de nós!



12 comentários:

  1. A Mariana chegou a casa a dizer um segredo: 'Ela é a letra M', mas é segredo.
    Agora já faz sentido...
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Chiuuuuuuuu!!!
      Isso é um nome de código. Não se pode divulgar.
      O nome dela de código não é M. O nome dela de código é M qualquer coisa. Perguntem-lhe.

      Eliminar
  2. Carla e João (País da Inês)12 de novembro de 2015 às 22:08

    Parece que hoje alguém comeu muito queijo ou está com tanto sono que já não se lembra do código secreto;-)

    ResponderEliminar
  3. A princesa disse me que o nome dela é do grupo do Gonçalo porque os dois nomes têm um G.Acho que ela tem razão.
    Mais uma atividade enriquecedora e divertida.... Parabéns

    ResponderEliminar
  4. O Rafael veio com a conversa "o meu nome começa por R assim como o do Rodrigo e da Raquel, mas o da Raquel e o meu começam por RA." Agora o nome de código já não se lembra.

    ResponderEliminar
  5. Luís e Anabela (Pais da Sara M)12 de novembro de 2015 às 22:34

    Aqui em casa o "código" foi S1:
    “O código do meu nome é S1. É uma surpresa da sala, por isso não posso dizer!”
    lol

    ResponderEliminar
  6. Ohhh, a Carolina Miranda diz que tem um nome secreto, mas não me pode contar qual é porque a Xinha disse que é um segredo só da escola e que não se pode contar ;) ups...

    ResponderEliminar
  7. A Carolina Miranda hoje disseHá muito tempo um velhinho e uma senhora plantaram um nabo, cenoura, ervilhas e batatas e nessa noite choveu. O velhinho e a velhina na cama cheiraram o ar livre da primavera. E quando acordaram foram ao jardim e encontraram um nabo que parecia enorme, então puxaram, sacudiram e puxaram com mais força, mas o nabo continuava sem se mexer e o velhinho foi chamar a velhinha. Os dois puxaram com muita força, mas o nabo continuava sem se mexer e a velhinha foi chamar a vaca castanha e puxaram, içaram com mais força, mas o nabo continuava sem se mexer, então a vaca foi chamar os grandes porcos barrigudos para ajudarem. Eles puxaram, içaram com mais força, mas o nabo continuava sem se mexer. Os porcos foram chamar os gatos, como também não conseguiram foram chamar os quatros canários, e estes chamaram os cinco gansos. Todos puxaram com mais força, mas o nabo continuava sem se mexer. Os gansos foram chamar as três galinhas sarampitadas. A velhinha pôs um bocadinho de queijo para o rato. E puxaram, içaram com força e o nabo até saltou e cairam todos em cima uns dos outros. Vitória, vitória acabou a história ;)

    ResponderEliminar
  8. Tantas atividades fantásticas à volta de uns possíveis cartões, que de simples, nesta sala, nada têm!
    Aprendem, jogam, desenham, partilham...
    Que espetáculo!
    Mãe G2

    ResponderEliminar